Segurança é reforçada para o Natal com mais 485 agentes

Segurança é reforçada para o Natal com mais 485 agentes

Publicado em

Policiais militares e guardas-municipais reforçam patrulhamento nas ruas


Guardas-municipais fazem parte do reforço especial para o período natalino, que será mantido até o dia 25 de dezembro - Foto: Marcelo Feitosa

Começou na manhã desta sexta-feira (30) a Operação Papai Noel, que leva mais 485 agentes, entre policiais e guardas-municipais para as principais ruas de Niterói. O reforço, que visa melhorar a experiência de compras natalinas, ficará concentrado nos pontos comerciais de Icaraí, Centro, Santa Rosa e Fonseca até o dia 25 de dezembro.

Entre os horários de 8h e 22h, policiais militares, guardas-municipais e agentes do Niterói Presente se dividem para garantir mais segurança aos consumidores na cidade. Policiais civis também participam da ação intensificando os esquemas de investigação e registros de ocorrência. 

Durante a operação, será feito o ordenamento do espaço público obedecendo ao Código de Postura. O passeio público também será fiscalizado para evitar estacionamento irregular, entre outras infrações que estejam em desacordo com o Código Nacional de Trânsito. Além disso, flanelinhas que estiverem atuando nas ruas serão conduzidos para a delegacia mais próxima por exercício ilegal da profissão.

Representando o 12º Batalhão da Polícia Militar de Niterói, o major Leandro Teixeira, chefe da 4ª Seção do batalhão, ressaltou que a cidade já vem apresentando índices mais baixos de criminalidade, resultado de operações do grupamento. O objetivo é manter este número. 

“Nessa época festiva, o índice costuma aumentar porque os criminosos, sabendo do movimento no comércio, costumam atacar as vítimas buscando bons resultados financeiros. Em média, teremos um aumento de 100 agentes”, contou.

A iniciativa de aumentar a segurança de consumidores já foi aprovada entre os lojistas e os clientes. No Centro, um dos pontos escolhidos para ação, o vendedor Jonatan Robson Vieira, de 47 anos, espera aumentar as vendas depois do início da operação. 

“Costuma aumentar o número de crimes e a movimentação de pessoas, então é preciso redobrar a atenção. Além de inibir a ação dos criminosos, dá uma sensação de segurança aos clientes e lojistas”, disse.

A esteticista Letícia Ribeiro, 36, ainda não foi às compras, mas se animou.

“É importante para a nossa segurança, já que alguns criminosos observam a ação de quem está comprando”, comentou.

Fonte:  O Fluminense

Niterói Online 21/02/2019 às 05h40 Polícia

Veja Também

Comentários

Adicionar Comentário
sentiment_dissatisfied

Opsss... Ainda Não Temos Comentários Para Exibir!

Deixe Seu Comentário

Faça Sua Avaliação!