Rodrigo Neves se diz

Rodrigo Neves se diz 'perplexo'

Publicado em

Prefeito de Niterói falou com a imprensa e negou as acusações


Rodrigo Neves passou mal na Cidade da Polícia e precisou de atendimento médico - Foto: Reprodução de TV

Ao chegar na sede da Polícia Civil, a Cidade da Polícia, o prefeito de Niterói Rodrigo Neves, preso na manhã desta segunda-feira (10) na Operação Alameda, falou com a imprensa e se disse "perplexo" diante das acusações. 

“Em 2013 a primeira decisão que tomei foi unificar as tarifas de Niterói, pela menor tarifa. Se eu não tivesse feito isso, a passagem de ônibus em Niterói seria mais de R$ 4,50, bem superior a tarifa atual. Niterói tem hoje o sistema mais organizado da região metropolitana, com quase 90% da frota com ar condicionado, coisa que não acontece em nenhuma outra cidade do Rio", declarou Rodrigo Neves.

O prefeito ainda afirmou que contratou uma auditoria independente para analisar o equilíbrio econômico-financeiro do sistema de transportes da cidade. Quem realizou o trabalho foi a Fundação Getúlio Vargas, apontando que as tarifas cobradas no município eram equilibradas. 

"Trabalho desde os 18 anos, tenho 20 anos de vida pública, não viajo para o exterior, tenho três filhos lindos. Fecho minhas contas como qualquer cidadão de classe média, vivo em um imóvel muito simples em que as pessoas sabem. Me estranha muito esse tipo de ocorrência, embora respeite as instituições, mas fui o único prefeito reeleito na Região Metropolitana com quase 65% de votos. Eu não sei nem quais são as acusações. Meu sigilo fiscal está aberto, não tenho nenhuma relação com esse cidadão”, disse Rodrigo, negando todas as acusações. 

Fonte:  O Fluminense

Niterói Online 18/06/2019 às 18h28 Política

Veja Também

Comentários

Adicionar Comentário
sentiment_dissatisfied

Opsss... Ainda Não Temos Comentários Para Exibir!

Deixe Seu Comentário

Faça Sua Avaliação!